20/08/2014

E ENTÃO, "SR. CONSTITUCIONAL"!?




Hercília Oliveira 
É realmente impressionante  o que são capazes de fazer esta nossa vergonhosa casta de políticos que temos!
Para obterem o tão desejado poder, até se alteram regras que nunca nos passaria pela cabeça fosse possível. E que durante todos estes anos da dita democracia nunca tal foi feito.
Agora o PS vai a eleições  para escolha de líder??E são aceites simpatizantes!?  É isto constitucional? Ou até disso eles se defenderam para que esta palhaçada possa acontecer!!
Será que esta palhaçada é inédita ou outros países também a usam? Eu sinceramente não sei.
Se fosse por algum motivo em que o beneficiado fosse o país..., são tudo entraves, complicações e falta de união. Mas para seus próprios interesses já não faltam soluções e até se inventam.
Mas a palhaçada é de tão baixa qualidade, que pelos vistos já estão inscritos cerca de 32 mil simpatizantes(!?)
Mas, a originalidade não fica por aqui. Alguns dos inscritos estão mortos ou acamados. Já em outras eleições  estes milagres acontecem.
E agora, como é? Esta palhaçada vai continuar!? Não há nenhum organismo que impeça esta palhaçada??
Afinal que regime é este em que nos meteram?
E onde estão os cidadãos verdadeiros deste país que tudo aceitam?
Será que estamos realmente condenados sem salvação?

3 comentários:

  1. Olá Hercília,
    As primárias num partido são legítimas. O maior exemplo é o dos EUA.
    Não há nada de mal que simpatizantes escolham quem num partido é o melhor candidato a eleições legislativas. Por isso, não é palhaçada nenhuma, mas absolutamente legal.
    O que é curioso é que Seguro nem queria saber de primárias.
    Mas ao ser desafiado por Costa, tentou tudo para adiar o confronto e as primárias foram a boia de salvação (por uns tempos). Aqui é que pode haver alguma palhaçada que é normal na política.

    Se há artistas e contorcionistas de primeira é na política. Aliás, algumas manobras dão até vómitos a quem tenha um pingo de dignidade.

    Agora quanto às Primárias no PS, são legítimas e não é preciso invocar nenhum órgão para as proibir (só em ditadura).

    Abraço
    Mário Russo

    ResponderEliminar
  2. Olá Hercília,
    Parece que sim, está tudo legal e é legitimo as eleições Primárias.
    Agora, os protagonistas e candidatos ao lugar é que têm feito disto um circo, porque esta Democracia em que vivemos em Portugal, permite-lhes mostrar que tudo é permitido! Somos obrigados a ser espectadores (pegando nas palavras, suas e do Mário Russo) de uma palhaçada que dá vómitos.

    O que para mim não deveria ser permitido, é dar canal a um dos candidatos, que o pretende ser mas ainda não o é...António Costa deveria ainda estar a responder pela gestão da Câmara de Lisboa e não opinar sobre o lugar de oposição, que até ás eleições primárias ainda é tomado, legitimamente, por o outro António, o Seguro.

    Há uma infantilidade em todo este circo, que vai entretendo e afurriando os simpatizantes do Partido.
    O Coelho agradece, bate palmas e se for preciso ainda pede BIS.

    O verdadeiro cidadão tem que ser providente, perseverar os os seus valores e não chegar ao ponto de pagar para este circo. Se não, é que não vejo a solução!!


    Isabel Coutinho


    ResponderEliminar
  3. Cara Isabel, e Mário Russo

    Obrigada aos dois, por me recordarem que nos EUA também se realizam as mesmas palhaçadas.
    Sim..., porque há uns anos atrás neste mesmo espaço, eu comentando umas eleições americanas ( não me recorda quais...) as classifiquei como tal. É que na verdade, a América em muitas situações e no que diz respeito ao espectáculo da luta pelo poder..., não são um bom exemplo, de todo!
    E claro, para os palhaços políticos como os nossos, tudo é legal, tudo lhes é permitido. Eles tratam de tudo legalizar para conseguirem os seus objectivos.

    Pena que só copiem os maus exemplos. Podiam copiar a maneira de fazer política como a que se pratica nos países Nórdicos..., mas isso não lhes interessa.
    O que mais me revolta, é que quando é preciso fazer algo que beneficiaria o país e os cidadãos, eles não o fazem, ou ainda pior..., fazem o oposto.
    Mas, quando toca aos seus interesses..., até são imaginativos.
    Nunca em 40 anos, que eu saiba, se recorreu a este tipo de "ajuda", mas como o poleiro só pode ser para um e há dois Abutres a lutar poe ele....

    Eu gostava era de ver..., um grupo de cidadãos a vir prá rua fazer campanha e recolha de assinaturas de antipatizantes, para exigir aos governos que mentem descaradamente, fazem o oposto do que prometem e levam o país ao descalabro que saiam da frente, para bem longe..., e sejam julgados pelos males causados...!
    Gostava de ver o que acontecia...!
    Mas não..., não passa nada. Está tudo tão MANSO..., que até envergonha!

    Hercília Oliveira

    ResponderEliminar