06/09/2017

Joaquim Jorge no Jornal É Noticia

























jornalenoticia

1 comentário:

  1. Sempre atento e oportuno na tentativa de indicar novos caminhos e sugerir alternativas de resolução dos problemas que preocupam os portugueses. Mas sejamos realistas. Com esta geringonça em que o PS tem a sua liberdade reduzida por um acordo até 2015 contra natura pois sendo como fazia questão de o dizer o PS da esquerda democrática tudo se alterou e em Novembro 2015 PS dr António Costa pensando é apenas em salvar a sua carreira política que estava em perigo tinha perdidos todas as eleições desde que assumiu as funções de Secretário-Geral do PS saltou para o lado dos então apelidados da esquerda totalitários e radical donde sempre estiveram. Assim esta geringonça não tem espírito reformista e sempre que dão alguma coisa com uma mão tiram com as duas como é prática de sempre só que agora o fazem de forma mais dessimulada mas mais violenta através dos impostos indirectos, recorde-se que o 2016 foi o maior valor de sempre de cobrança de impostos per capita. A sua opção é execuivel mas passaria por num primeiro momento o PCP e o BE aumentarem ainda mais a pressão sobre as empresas como aliás a Catarina insiste para que a redução do IRS seja de 600 milhões. De qualquer forma saúdo a sua preocupação que é bem conhecida de tentar resolver os problemas de Portugal e dos portugueses. A isso chama-se cultura cívica e patriotismo.

    ResponderEliminar