30/03/2016

CORRUPÇÃO: DUAS FACES DE UMA MESMA MOEDA



 
Daniel Braga 
Tendo assistido nos últimos tempos aos desenvolvimentos da crispação política brasileira, como tendo acompanhado, em tempos não muito distantes, a todo o processo que envolveu as acusações, prisão e posterior soltura do antigo PM português, José Sócrates, chego à conclusão, como cidadão livre e atento, que afinal a corrupção tem duas caras: uma corrupção de direita, maquiavélica, vergonhosa e toda ela fundamentada em factos indesmentíveis que condenam de forma assertiva todos os seus protagonistas, mesmo que ainda não julgados e condenados; e uma corrupção de esquerda, toda ela baseada em cabalas e teorias conspirativas, em injustiças e atentados aos mais elementares direitos dos trabalhadores e dos seus protagonistas, mesmo que ainda não julgados e condenados (como os anteriores, aliás). De uma face, a total credibilização da justiça, pois os autores de tão condenáveis actos são aos olhos dos fazedores de opinião, bandidos, corruptos, que merecem a cadeia e pagar por todo o mal que fizeram. A outra face, a descredibilização da justiça, vista como o anjo mau de toda a história e causadora ela própria de todo o mal e atentados à democracia e à liberdade. Os Sócrates, Varas, os  Lulas e Dilmas, são os demónios vestidos de anjos e vítimas, com toda a certeza, de conspirações, má fé e perseguições de índole político. Os Salgados, os Isaltinos, os Loureiros, as Morgados, os Carlos Alexandre e os Moros, esses sim os maus da fita, uns corruptos garantidos e outros justiceiros a soldo de qualquer ordem misteriosa de ataque aos mais elementares direitos de cada um e colocando a democracia em perigo! Este histerismo perssecutório de que tudo o que é de Direita é mau e deve ser punido e tudo o que é igualmente mau de Esquerda é vítima de injustiças e cabalas de duvidosa proveniência, não consegue perceber e compreender que a corrupção é só uma, transversal à sociedade, da Esquerda à Direita e que deve ser unanimemente condenada por ser altamente perniciosa, condenável, criminosa e lesa Estados.  Essa sim, de uma só face e um atentado às democracias do Mundo livre e que se diz justo e solidário.

1 comentário:

  1. Olá Daniel

    Caminhamos a passos largos, a termos a mesma qualidade de política e políticos que tem o meu amado Brasil.
    E LULAS, é o que não nos falta por cá...
    Continuando rindo, indo ao futebol e umas promessas vergonhosas dos políticos a acompanhar e..., tá tudo numa boa!

    Hercília Oliveira

    ResponderEliminar