17/10/2014

Matosinhos aberto



1- Guilherme Pinto em entrevista ao JN diz que pode voltar ao PS. Aquilo que já tinha referido há algum tempo, em vários artigos de opinião. Ganhou António Costa estão reunidas todas as condições para voltar ao seu partido de sempre.
2 - Ironia do destino quis que Guilherme Pinto que recusou submeter-se a primárias para a escolha do candidato do PS à CM Matosinhos, fizeram com que abandonasse o PS e concorresse como independente. Agora, umas primárias no PS podem tê-lo de volta.
3 - Já passou tanto tempo e Narciso Miranda que respeitou a decisão do PS, na altura. Não concorreu à CM Matosinhos, sendo presidente de Câmara em exercício. Saiu, mas no seu íntimo sempre pensou que seria um pequeno interregno. Tal não aconteceu.
4 - Concorreu como independente, mas como não entregou o cartão de militante - foi expulso. Seria importante tendo em conta o seu passado, que o PS o readmitisse naturalmente e sem dramas. Tudo tem um limite…
5 - O PS tem a tradição de congregar e não dividir. No PS não pode haver filhos e enteados.
6 - Acreditem que na política que é a arte do possível pode-se, um dia, ver-se coisas impossíveis: Guilherme Pinto, António Parada e Narciso Miranda todos juntos em foto de família no PS.
7- Luísa Salgueiro prefigura-se como a próxima candidata do PS em Matosinhos, com o patrocínio de dirigentes do PS Porto... Esta era a saída engendrada pelo PS, antes da vitória de António Costa, mas Guilherme Pinto que não morre de amores por José Luís Carneiro (apoiante de Seguro) terá uma palavra a dizer. Manuel Pizarro olha do Porto com a segurança de quem venceu ao apoiar António Costa.
8- Não seria melhor pedir um conselho a Orlando Gaspar? Orlando Gaspar o oráculo do PS está a ser mal aproveitado.
9- Se for Luísa Salgueiro a candidata do PS em Matosinhos, não me acredito que Narciso Miranda seu mentor político, que a foi buscar a S. Mamede quando andava pela JSD, se fique.
10 - Posso-me enganar mas Narciso Miranda vai ser candidato e tudo joga a seu favor. Guilherme Pinto não pode concorrer e este PS não quer de novo António Parada.
11 - Narciso Miranda se pensa concorrer de novo à CM Matosinhos, não sei se será bom voltar ao PS. Só o deveria fazer se tivesse a garantia que era ele o candidato do PS. De outro modo não se justifica voltar a ser militante do PS, e depois voltar a sair para concorrer como independente.
12 - Os vereadores eleitos pelo PS de Matosinhos, com António Parada, mostram indignação, referente à possível extinção das convenções existentes na Senhora da Hora com grupos de médicos privados, em Medicina em Concorrência, para assegurarem, no âmbito do Serviço Nacional de Saúde (SNS), da prestação de cuidados de saúde primários. Os 7166 utentes inscritos irão ser deslocalizados, caso estes não queiram ficar sem médico de família, para uma USF que, alegadamente, se propõe abrir na freguesia de Custóias, com os prejuízos e dificuldades que daí irão ser acarretados para os mesmos.
13 - No Porto a Câmara recusa proposta do Governo para o sector das águas. Em Matosinhos a água vai aumentar de preço.
14 - A convite do director do jornal Audiência, Ferreira Leite , vou passar a escrever também no Audiência Matosinhos. Escrever é um exercício exigente e requer muita leitura e reflexão. Por outro lado, o que se escrever tem que fazer sentido e ter interesse. Vamos ver se o consigo fazer. 
JJ

Sem comentários:

Enviar um comentário