10/05/2014

Provérbio árabe


Há cinco degraus para se alcançar a sabedoria: calar, ouvir, lembrar, sair, estudar.Provérbio Árabe

6 comentários:

  1. Não vale a pena amuares. Quer gostes, quer não gostes, tens que ser e vais continuar a ser escrutinado. Não estás acima da crítica e do contraditório, podes vociferar, maltratar, enxovalhar, que vou continuar a seguir o meu caminho com respeito, mas com muita determinação na busca de um novo paradigma de respeito pelo comentário livre e responsável, sem constrangimentos. A mim nunca me condicionarás, mesmo que uses o ataque pessoal e suez, sem justa causa. É inacreditável, que à falta de argumentos, seja a família (Mãe que já cá não está) chamada à colação de uma forma racaia, cruel e gratuita, usando o anonimato, que tanto criticas. Quem não quer ser lobo...sou um lutador, porque sei lutar comigo.

    ResponderEliminar
  2. "Não vale a pena amuares. Quer gostes, quer não gostes, tens que ser e vais continuar a ser escrutinado. Não estás acima da crítica e do contraditório, podes vociferar, maltratar, enxovalhar, que vou continuar a seguir o meu caminho com respeito, mas com muita determinação na busca de um novo paradigma de respeito pelo comentário livre e responsável, sem constrangimentos. A mim nunca me condicionarás, mesmo que uses o ataque pessoal e soez, sem justa causa. É inacreditável, que à falta de argumentos, seja a família (Mãe que já cá não está) chamada à colação de uma forma lacaia, cruel e gratuita, usando o anonimato, que tanto criticas. Quem não quer ser lobo...sou um lutador, porque sei lutar comigo."

    Depois de corrigir o textozinho deste anormal que vive 24h este espaço. Escreve-se soez e não suez . Não é racaia é lacaia.

    Deixo para vossa análise mais este comentário. Quer condicionar o Joaquim Jorge e este espaço. Comenta tudo e mais alguma coisa. Se calhar a partir do PC da empresa e do de casa, (pois assim usa dos IP´s para ver se nos engana) até sabe quando vou à casa de banho, etc.

    Este anónimo é doente mental. Tem uma personalidade paranoica e Evitante . Não aceita o valor a capacidade de JJ de ter o Clube de fazer debates, ser conhecido e o mais importante ter aqui neste espaço todos vós a escrever , a ler, a comentar. etc.

    Pode também estar apaixonado por Joaquim Jorge com delírio tipo somático e psicose. Delírio de ciúmes do nosso êxito, Está a atingir a Erotomania.

    Está obessivo-compulsivo contra o JJ mas ultimanente está contra todos os colaboradores deste espaço e comentadores. Não aceita ao fim de 8 anos que o Clube , o Blogue existam. Faz comentários aberrantes insultuosos e descabidos de tudo e mais alguma coisa.

    O final deste anonimozinho é o manicómio. Se entretanto conseguirmos saber a sua identidade verdadeira. Já faltou mais...

    ResponderEliminar
  3. Caro Sr JJ
    Não sei como o Sr perde tempo com este burro! Dê-lhe palha que é o que ele anda a pedir.

    Carlos Gonçalves

    ResponderEliminar
  4. Caro J. Este anonimo esta' aqui numa missao. Todos os blogs teem os chamados '"moderadores" para desviar as atencoes do que interessa. Pedro Passos Coelho tornou-se especialista em controle de redes sociais, antes de atingir o estrelato. Ele esta' a utlizar a sua sabedoria, atraves dos seus muitos gabinetes, criados durante este mandato. E' um assunto serio mas, remete este anonimo para o esgoto de onde vem.
    Pedro-Liverpool

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos os partidos têm uns rapazes especializados nessa nobre arte de "controleiros". Olhe, os de esquerda foram pioneiros... Em alguns centros de trabalho de certo partido vermelhusco existem alguns que têm calos nas pontas dos dedos de tanto "teclar"...

      PT

      Eliminar
  5. Certo. Mas é importante todos saberem que este acminho não é cor-de-rosa. Tem espinhos e muitas dificuldades.

    A blogosfera permite com perícia que se contorne a identidade. Felizmente já está consagrado o crime na internet.

    Toda a gente tem direito a expressar as suas ideias e convicções com educação e elevação.

    Abraço

    ResponderEliminar