27/07/2016

Sem sanções



Portugal não vai ser multado pela Europa. Não vai ser sujeito a sanções. Isto prova que vale a pena reivindicar e fazer ver à Europa o contexto político português.
Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa que sempre se bateram para que não fôssemos sujeitos a sanções é uma notícia boa para eles, mas também para os portugueses que estão cansados de austeridade. Os portugueses querem viver dentro dos seus limites.

O PSD e Pedro Passos Coelho não devem estar muitos contentes, pois parece que queriam que tivéssemos sanções, indo de encontro, com o seu discurso político.

2 comentários:

  1. Eu tinha proferido durante o reinado de PPC, que este estaria acabado politicamente, depois de sair do poder. Um carrasco, ao servico do poder economico, sempre com a desculpa da inevitavel austeridade. Mesmo o FMI, numa semana dizia que a austeridade era necessaria e na outra, que so' por so iria matar a economia. Pau mandado, sem carater. Devia ser corrido do Pais, ja' que ninguem vai preso...

    ResponderEliminar
  2. Não acredito que o psd e o Passos Coelho quisessem sansões porque primeiro eles são patriotas e segundo tambem iam multar o ano de 2015 o ano que ele esteve como primeiro ministro e esta oposição é menos ma que a oposição do PS.

    ResponderEliminar