29/03/2016

Crónica do Brasil



                           

Arthur Reis Cordeiro
Reflexão sobre um deputado


A grande maioria dos indivíduos que assumem o poder do Brasil atualmente possui a maior parte da culpa do país estar passando por momentos de terror. Porém acreditava-me que não havia candidato capaz de assumir o poder sobre a nação, entretanto depois de tanto pesquisar, acabei por ter uma nova visão e assim formando uma opinião mais concreta. Deixo claro desde já que este artigo expressa minha opinião, que foi formada a partir de diversas pesquisas, e mesmo sendo contrária a visão de muitos indivíduos, pode ser criticada e modificada.
As pesquisas citadas anteriormente seriam a respeito do senhor Jair Messias Bolsonaro (Deputado federal pelo Rio de Janeiro), que prega a igualdade da população por meio de seus ideais. Segundo ele de acordo com algumas leis atuais, como por exemplo, as cotas raciais, estaríamos infringindo parte do artigo 5º da constituição federal brasileira, que diz basicamente que “todos somos iguais perante a Lei (...)”. Sendo assim, não devem existir leis especificas para negros, homossexuais, etc. Pois perante a lei, todos esses indivíduos são iguais, independente de cor, sexo, entre outros aspectos, e assim a lei deve ser a mesma para todos eles, com exceção dos incapazes (indivíduos que possuem algumas deficiências especificas).
Por possuir esse tipo de opinião, o senhor Jair Bolsonaro está sendo taxado principalmente como racista e homofóbico. Porém os que dizem isso muitas vezes são influenciados por opiniões alheias ou pelo que a mídia quer mostrar, e na maioria das vezes formando opiniões sem nem mesmo aprofundarem-se no assunto, e assim como diz o dito popular se tornando uma “Maria vai com as outras”.
As pessoas dizem esses tipos de coisas também por não pensarem no coletivo, e sim em partes especificas dele. Como por exemplo, o negro não quer o fim da cota racional, pois isso seria de certa forma prejudicial a ele, porém dessa forma ele deixa de se preocupar com os outros que não são negros. E ainda coloca-se como incapaz de alcançar um objetivo igualmente aos outros, proporcionando assim futuros preconceitos a si próprio.
Algo que ainda não foi esclarecido na mente de muitos é o fato de sermos iguais perante a lei. Muitos entendem isso como se não tivéssemos diferenças, ou seja, fossemos todos iguais. Mas somos sim diferentes, tanto em aspectos físicos como mentais, porém a lei se aplica ou deveria ser aplicada igualmente a todos os indivíduos, entretanto não é porque a lei é a mesma para todos que não possuímos diferenças.
O senhor Jair Bolsonaro também possui ideais que vão contra aos meus princípios, que seria o seu pensamento de um regime mais rígido, semelhante à ditadura militar em que já passamos. Claro que sou contra a esse regime, até porque isso privatizaria não só a mim como a população inteira de seus ideais. Porém não digo que seria algo errado, apenas algo que poderia ser modificado e assim aceitado por mim.
A população nesse momento deveria antes de criticar, pesquisar mais sobre o senhor Jair Bolsonaro. Tendo total liberdade para concordar ou discordar de seus ideais, porém fazendo isso consciente do que esta falando. E em 2018 se ele vier a presidente da república caso se candidatar, a população não se revoltar por um erro cometido pelos mesmos.  

2 comentários:

  1. Amigo Cronicador do Brasil Viva.
    Eu sou o Cronicador de Genébra. O nosso Interlocutor Senhor Joaquim JORGE falou-me de si. Fico muito satisfeito de sabêr que a semente produz frutos. Assim sendo, sêja bem-vindo ao clube.
    Como eu sou um Adepto da Monarquia, se me permite vou decorticar aqui o seu Nome Arthur ( King Arthur) no caso será (Arthur KING) e termina em Cordeiro. Ora tendo lido a Sua Crónica de "manso" é que o Senhor não têm nada. Eu já estou velhote, já sou Carneiro, mas de Signo.
    Força. Gostei do seu texto, tanto mais que aqui na Suissa chegam ca as noticiazinhas todas Nuas e Cruas. E não me estou a referir as donzélas do Sambodromo.
    Nelson Magalhães Fernandes
    Genébra: 29.03.16

    ResponderEliminar
  2. Agradeço pelas boas vindas ao clube,e fico feliz de que pessoas como o senhor gostem de minhas publicações. Estarei sempre que possível tentando compartilhar meus pensamentos com o público,pois me sinto ótimo com tudo isso...

    ResponderEliminar