15/03/2016

10 anos


O Clube vai comemorar dez anos de existência , no fundo, fazer o exame do 4.º ano ( antiga 4.ª classe). Daqui para a frente há responsabilidades acrescidas. Passamos da primária , para o 5.º ano , primeiro ano do ensino secundário.
O clube está um pouco com Nuccio Ordine autor da Utilidade do Inútil. A ideia subjacente ao Clube de ter cidadãos mais e melhor informados é algo que não vale a pena. As pessoas preferem ser ignorantes: ler e saber dar trabalho. Ser alienado e indiferente ao que nos rodeia é uma forma de estar na vida que não dá chatices.

Se ser livre é importante , pensarmos pela nossa cabeça também o é, mesmo que isso não nos dê nada, ou os outros pensem que é tempo perdido e não valha a pena.
Muita gente acha, que o que se faz no Clube é uma utopia e, o que resulta disso é inconsequente. Outros chegam ao ponto, de dizer, que nada se ganha com isso...
Todavia o Clube reivindica o valor de conversar e debater. O Clube é uma atitude, é um modo de estar na vida e, fazer politica sem estar na política . No clube interessa-nos o processo e não o resultado.
O Clube serve para falar do justo e injusto e lutar contra um défice democrático da nossa sociedade.
Quem aprecia este conceito e acha que sai enriquecido desta experiência, deve aparecer 2.ª feira.
JJ

Sem comentários:

Enviar um comentário