18/04/2014

CIVA ( Centro de Investigação da Vida Alheia)



Consta-se que o GaiaHotel, local onde o Clube dos Pensadores realizou durante anos os seus debates vai reabrir.

O PSD Gaia não tem emenda. Além de não cumprir prazos de reuniões que devem ser realizadas de tempos a tempos. Quando faz reuniões, corta a palavra e boicota militantes com opiniões contrárias às de quem está a liderar a Concelhia. Um  lamento e uma vergonha para um partido que esteve sempre à frente com Sá Carneiro.

Por falar em Sá Carneiro , o Clube dos Pensadores vai receber António Capucho que ajudou também a fundar o PSD que nada tem que ver com este de agora. Muitos PSD`s revêem-se neste homem e a sala do hotel vai estar à pinha pela sua voz incomodativa e independente.

A Maia reclama a construção da variante à EN14 . Desta vez, e bem, aliou-se à Trofa e Famalicão. Esta variante é de absoluta justiça que se faça para melhorar a mobilidade e circulação, o  problema  é depois. O Plano Estratégico de Transportes e Infra- estruturas do governo é insuficiente e se acontecer como os pórticos das SCUTS. Tudo ficará como dantes.

Em Matosinhos a CMM, o Grupo Empresarial,da Lionesa e  Unicer criaram um espaço de Mural permitindo a criatividade de artistas de rua . Poderá ser uma referência cultural e de  graffiti no futuro. Este espaço fica ,onde foi outrora, a fábrica da Lionesa transformada em pólo comercial.

Em Gaia, como eu previa, a Gaianima vai ser investigada pelo Ministério Público. Em vez de andarmos por conta-gotas a ver os buracos, poderia ter sido feito, como sempre sugeri, uma auditoria às contas da CM Gaia. Só depois avançava-se com políticas. É muito difícil, deste modo, ter uma política subsequente e planificada. Sempre que se levanta o tapete há algo escondido.

É mau para quem está à frente dos destinos da CMG, e mau, para quem o antecedeu. O anterior executivo de Luís Filipe Menezes vai ser cozinhado em lume brando , durante este mandato.. Seria preferível , logo que se toma posse , saber-se com o que se conta.

Vamos ver como reage Luís Filipe Menezes. Ou responde e vemos a sua apetência para tentar voltar a Presidente . Pode fazê-lo de várias formas : o seu livro está para sair em breve ; no seu espaço semanal no Porto Canal ou no JN. Ou faz de conta e fica toda a gente a pensar...

Gaia perdoa juros para recuperar 10 milhões em dívidas de água e rendas.Este plano é uma boa ideia. Há 57 mil famílias que estão em execução fiscal.

JJ

5 comentários:

  1. Li uma notícia no JN, num relatório de contas, buracos financeiros enormes por parte das empresas municipais, a única que consegue se destacar pela positiva é a Gaiurb.
    Na Gaianima constata-se que existiu gestão danosa, pois muito bem, culpados? Aonde estão?
    Um deles tem uma aliança com o próprio V.rodrigues e com poleiro executivo na câmara , este senhor contratou SWAPS para a empresa municipal que dirigia, recebia à volta de 500€ de subsidio de alimentação com carro topo de gama da toyota e motorista pessoal, é uma vergonha! Havia pessoas que trabalhavam na sede desta empresa que saiam dentro do horário laboral, para executar serviços pessoais como advogados e nem necessitavam de tirar o dia de folga ou de ferias, recebiam de ambos os lados, é uma vergonha!!
    Vitor Rodrigues vem agora fazer o papel de D.Sebastião, deveria era expor claramente as contas do município, sem quaisquer rodeios.
    Um outro presidente da Gaianima, amigo de Menezes à primeira oportunidade pôs-se em fuga e agarrou o tacho de vereador de oposição na Câmara do Porto.
    Para finalizar, o actual presidente da concelhia do PSD, é uma autêntica aberração, um parasita que sempre foi alguém apenas porque sobreviveu à custa do município, 12o ano com novas oportunidades e tem gostos nocturnos muito duvidosos!!

    Ricardo

    ResponderEliminar
  2. Todos querem é o tacho as promessas depois ninguém se lembra. São 4 anos garantidos ou façam muito ou pouco é igual vai tudo dar ao mesmo. É tudo a mesma merda, tentam enganar as pessoas com promessas até oferecem o céu. Se visitarem a câmara a junta quem lá está? Os amigos e amigas gente que nunca sonhou estar onde está. Quando se candidataram há câmara de Gaia já sabiam que as empresas municipais estavam todas falidas, com dívidas que mesmo espreitando lá para baixo não se consegue ver o fundo fora as penhoras que estavam a caminho e continuam acumularem-se é uma questão de irem recorrendo e empurrar para os próximos que chegarem as dívidas que não param de crescer. Quem sustentou a campanha eleitoral ainda conseguiu vender uns carritos é chamada recompensa, como o povo anda a dormir nem se apercebem das viaturas estacionadas e os motoristas encostados à sombra da bananeira, empresas municipais não existe uma fiscalização ao inúmeros funcionários que nada fazem porque o serviço não chega para todos.

    ResponderEliminar
  3. Os funcionários que o anónimo e muito bem refere, muitos foram de forma amável ( Cunha ) a passar directamente para a câmara , com cargos ridículos como por exemplo na zona histórica a vigiar e dar passagem a carros, outros abdicaram todos eles dos anos de casa e entraram sem concurso para os recursos humanos do município, com contratos a termo incerto.
    Que jogada magnifica!! 2 cajadadas de uma só vez , primeiro livraram-se de pagar as indemnizações sem ruído, agora prometem que tão seguros e continua tudo na mesma ( reestruturação de pessoal zero )...as pessoas não podem reclamar, pois todas elas são coniventes com o sistema, uns por necessidade outras por conveniência e assim vai a crise...ruído muito baixiiiiiiiinho, muito meeeeeeedo, muiiiiiiiiita cobardiiiiiiiiiia !!

    Ricardo

    ResponderEliminar
  4. Câmara de Gaia dá 690 mil ao ‘JN’

    Sob a presidência de Luís Filipe Menezes, o município de Gaia gastou mais de 690 mil euros em 64 inserções publicitárias no ‘JN' desde o início de 2013.
    A Câmara de Vila Nova de Gaia gastou mais de 690 mil euros nos primeiros 7 meses de 2013 em publicidade no Jornal de Notícias (JN), quando Luís Filipe Menezes era presidente do município.
    Segundo documentos internos a que o CM teve acesso, numa recolha exaustiva de publicidade do município desde o início do ano – e tendo em conta a tabela do ‘JN’ para 2013 – a despesa da autarquia, incluindo empresas municipais, atingiu valores na ordem dos 693 524 euros. Só entre páginas de publicidade e encartes, contam-se 64 "inserções comunicacionais" da câmara de Menezes no jornal do Norte.
    Ao que o CM apurou, a alegada utilização de meios da Câmara de Gaia, nomeadamente através de publicidade, na campanha de Menezes no Porto é uma das razões de uma queixa entregue à Comissão Nacional de Eleições, que aguarda a resposta do candidato do PSD no Porto. Na queixa, afirma-se ainda que foram publicados convites da Câmara de Gaia em que se apela para que se visite o site da candidatura "Porto Forte".
    Ao CM, a Câmara de Gaia diz que "o número [690 mil euros] não corresponde à verdade: de Janeiro a Setembro de 2013, o município e as três empresas municipais – Gaiurb, Gaianima e Águas e Parque Biológico de Gaia gastaram em publicidade no ‘Jornal de Notícias’ um total de 112 300,95 euros". Já fonte da Controlinveste, dona do ‘JN’, diz que a gestão de publicidade é transparente e que todos os investidores são bem-vindos.

    ResponderEliminar
  5. Essa noticia tem imenso tempo mas é importante.

    ESta rubrica CIVA não é para atacar ninguém , nem ser por este ou aquele.

    Fazemos cidadania, informamos e alertamos consciências.

    Aqui não se trata de saber quem gastou mais ou menos. O que sabemos é que a CM Gaia está endividado até à cabeça e está pré-falida. Goste-se ou não é a pura realidade.

    Não somos dos que achamos que Menezes fez tudo mal. Não. Fez coisas boas e pôs gaia no mapa mas há custa de muito endivdamento.

    Porém o actual presidente, não pondo em causa , a sua boa intenção , não tem estado bem em algumas situações que exigem outro tipo de acção.

    Mas...

    ResponderEliminar